Pages

sábado, 16 de agosto de 2014

Vereador Eduardo Sá (PRTB) Declara Apoio aos Professores que estão em Greve em São Luís.




O vereadador Eduardo Sá (PRTB) declarou total apoio à causa dos professores da rede municipal que entraram em greve na Capital exigindo recomposição salarial. 


Docentes exigem reajuste salarial de 20% para a categoria; prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC) propôs aumento de 8,32%, parcelado em duas vezes ao s professores; dirigente do SindEducação afirma que o secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho (PCdoB) tem tratado os docentes com “desdém e ironia”; presidente do sindicato diz que greve é por tempo indeterminado.



Além do aumento de 20% nos salários e data base, conforme a Lei do Piso da classe, os docentes querem a implantação dos direitos estatutários e melhoria nas estruturas das escolas municipais da capital.


Em protesto de professores, professores ficaram acorrentados na sede da prefeitura (Foto: João Ricardo/G1)







A presidente do SindEducação, Elizabeth Castelo Branco afirmou que 12 escolas estão sem aulas desde o fim do ano passado, por causa da precariedade de suas estruturas. "As escolas não têm água para nada. Quando chove, o professor não tem condição de ficar na turma por causa dos telhados, são muitas goteiras. Os sistemas hidráulicos e elétricos estão bem ruins".



O parlamentar acompanha de perto a luta dos professores tanto de Chapadinha quanto da capital e conhece a precariedade do Ensino Público. Em 2013 Eduardo Sá realizou  e participou de diversos movimentos em apoio aos professores por entender que nossos professores merecem ser valorizados e nossos filhos merecem educação de qualidade e é que ele apoia e defende os professores do Maranhão.



O vereador Eduardo Sá já trouxe a professora Elisabeth à Chapadinha para dar palestras e apoiar a luta do SINDCHAP em Chapadinha. Veja AQUI.


Comente com o Facebook: