Pages

terça-feira, 15 de abril de 2014

Governo Belezinha, a mesmice continuada e piorada?






A administração pressupõe alguns princípios que, se deixados de lado, comprometem o alcance dos resultados desejados. É possível observar que o governo de Ducilene Belezinha, ainda nem chegou ao seu final, mas está perdendo uma grande chance na história de Chapadinha, de contemplar os chapadinhenses com uma administração exemplar.


É verdade que ao assumir o executivo municipal, o atual governo encontrou uma série de dificuldades. Porém nada que impedisse o governo da "competência administrativa" de mostrar serviço.


Não há resultados significativos a mostrar ao povo. Após 15 meses de governo, Belezinha continua prometendo o que não pode cumprir. Ações prepotentes de um governo que acredita que pode tudo vem despertando a indignação do povo, tanto que Belezinha beira os inimagináveis 80% de rejeição. Sem criatividade e sem anunciar nada de novo Ducilene aposta em imitar ações do governo anterior, a mesmice continuada e piorada.


O fiasco de maior repercussão sem dúvida foi a realização de um Concurso Público que mais parece feito por amadores em trabalhar de forma honesta e correta, mas profissionais em maracutaia e enrolação. E os únicos prejudicados com a suspensão e possível anulação deste concurso, são os que mais se dedicaram e são estes que mais devem lutar por honestidade e transparência nos atos do executivo. 


Os blogs aliados ao governo comemoram a antecipação do pagamento do funcionalismo público, esquecendo-se que o governo anterior fazia o mesmo e as vezes depois de muitas reivindicações, pagava-se o Salário, Décimo Terceiro e mais ABONO.


Anunciam com pompa a distribuição de peixe, porém falta fôlego, falta ânimo. Fato natural visto que são atos repetidos sem nenhuma inovação, espero que este ano a qualidade dos peixes seja garantida.


Na área da saúde, a única coisa que o governo atual tem a apresentar à sociedade são promessas. As mesmas feitas durante a campanha eleitoral, a mesma feita ao antigo secretário de saúde, antes de Belezinha trair seu maior apoiador político Isaías Fortes, as mesmas promessas foram renovadas esse ano: Ampliação e reforma do HAPA, Construção de UPAS enfim... Só promessa.


O essencial, a valorização da política de pessoal, incrementando uma política de recursos humanos que fosse capaz de motivar, tanto os funcionários que já pertenciam à rede, quanto aqueles que fossem contratados simplesmente não aconteceram. 


Na educação, mais de um ano depois de estar no comando do executivo, o que Belezinha tem a apresentar à sociedade chapadinhense é apenas, e tão somente, escolas reformadas com uma "mão de tinta". Cores diferentes, porém os mesmos problemas estruturais antigos continuam sem previsão de serem sanados. Escolas sem água ou literalmente caindo aos pedaços, professores sendo transferidos aos gosto de pessoas mal intencionadas e despreparadas que ocupam cargo de superioridade apenas por capricho político.


O pintor está fazendo o serviço com o material que tem, e só tem tinta mesmo.




Ficando apenas nessas áreas do governo, podemos perceber que é muito pouco, ou quase nada, que o governo de Ducilene Pontes, tem a oferecer aos chapadinhenses, que depositaram uma confiança muito forte, e nutriram um sentimento de mudança no qual acreditavam, de verdade, que iria acontecer em suas vidas. 


Infelizmente, o governo Belezinha é a mesmice continuada e piorada. Uma pena!

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário