Pages

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

E eis que surge: Magno Bacelar concederá entrevista ao Direto ao Assunto

Quando eu digo...


Depois de um ano de desmandos, de não cumprir as promessas de campanha, negar o pagamento do abono, não pagar os aposentados, contratados e funcionários da saúde em dia ( não há um atraso legal, mas sim um atraso moral) e não realizar nenhuma obra de relevância no município, o atual desgoverno belezinha virou o principal cabo eleitoral do Doutor.






O desgaste do governo MagNúbia era tanto que Magno Bacelar levou uma taca de 5 mil votos da atual gestora (se bem que se houvesse novas eleições pra prefeito hoje, duvido e muito que ela repetisse o feito).  O deputado sumiu, passou um ano longe de Chapadinha e não atendia sequer a telefonemas de alguns de seus principais aliados políticos, (pelo menos é o que dizem nos bastidores). De repente e sem delongas eis que ele ressurge das cinzas...


Quase como da primeira vez em que foi eleito, Magno Bacelar volta no auge do sofrimento do povo e como da primeira vez: como se fosse o salvador da pátria. Sempre me disseram que Magno Bacelar era um grande estrategista, tá aí o porque. 


Foi anunciada na tarde de hoje (04), durante o programa Direto ao Assunto que vai ao ar pela rádio Mirante FM, que o deputado retornará em grande estilo, concedendo entrevista em um dos programas de mais audiência em Chapadinha dia 12/12, próxima quinta-feira.





Nada pessoal contra o deputado e diante dos desmantelo do atual governo até eu já fui obrigada a reconhecer o cumprimento de suas obrigações enquanto gestor municipal, como grandes feitos, exemplo: pagamento em dia, pagou nosso abono ( com muita briga, mais pagou) asfaltou muitas ruas e não se ouvia falar em perseguição como agora. Mas...

Segundo o TCE e a CGU o deputado estaria envolvido em desvios de verbas da alimentação (merenda) escolar, de estradas vicinais, construções de escolas e por aí vai...

Devido a isso o deputado Magno Bacelar corre o risco de ficar inelegível por 8 anos, mas isso deverá ser esclarecido em sua entrevista. 


O certo é que Chapadinha não pode aceitar a política do "rouba mais faz" como dizia Maluf (pior que tem governo que rouba e não faz, mas isso não acontece aqui).


Temos que combater a corrupção e os políticos corruptos seja em que governo for e em qualquer tempo.


Hoje nossa cidade vive o péssimo momento político e econômico, devido a falta de competência para gerir Chapadinha o atual desgoverno é o maior cabo eleitoral de MagNúbia.


Dona beleza desistiu de processar o doutor ( já o seu maior cabo eleitoral, Isaías Fortes, ela processou sem titubear), mas não é isso que faz dele santo...


É apenas mais uma prova de que os "poderosos" se entendem e o povo é o único que paga a conta de um mal governo!

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário