Pages

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

E AGORA LULA?

Em depoimento prestado à Procuradoria-Geral da República em setembro, o empresário Marcos Valério afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva usou dinheiro do esquema do mensalão para pagar “despesas pessoais”. O conteúdo do depoimento foi revelado nesta terça-feira em reportagem do jornal O Estado de S. Paulo.


De acordo com o operador do mensalão, dois repasses teriam sido feitos ao ex-presidente, mas só um deles foi especificado, de aproximadamente 100 mil reais. Segundo o jornal, o empresário também afirmou que os advogados que o defenderam no STF (Supremo Tribunal Federal) foram pagos com dinheiro do PT.


Entre as acusações de Valério a Lula, segundo o Estado, está também a de que o ex-presidente teria autorizado, em reunião no Palácio do Planalto, empréstimos bancários que seriam usados para pagar deputados da base aliada para votações favoráveis ao governo.

Outros políticos também foram alvo das acusações de Valério, como o senador Humberto Costa (PT-PE), que teria sido beneficiado pelo chamado valerioduto. Em nota ao jornal, Costa "refuta qualquer tentativa de envolvimento do seu nome com qualquer irregularidade de seja."

O jornal procurou Lula na segunda-feira em Paris, onde participou de um encontro com a presidente Dilma Rousseff, mas o ex-presidente saiu sem dar declarações aos jornalistas. O PT nega que tenha pagado os advogados de Marcos Valério.



fonte: Isso é Brasília

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário