Pages

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Muito ajuda quem não atrapalha!

”... Já não sonho, hoje faço
com o meu braço o meu viver...”
(Milton Nascimento, Fernando Brant, “Travessia”).

É incrível a capacidade de maquiar, de distorcer  fatos e notícias, de certos blogueiro$ e jornalista$ de nossa cidade.

O papel de um verdadeiro jornalista é o de informar e o seu compromisso é com a verdade mas alguns “jornalista$ e blogueiro$” de Chapadinha só tem compromisso com os que estão no poder e por esse motivo, invertem o seu papel: ao invés de informar tentam intimidar e alienar a população!

Durante a Ditadura Militar (1963-1985)

Entre outras coisas houve:

A censura implacável contra livros, revista e jornais e toda a produção cultural.

Mesmo assim artistas, jornalistas, poetas, jovens e etc. lutaram pelo direito a livre expressão.

Alguns foram presos, outros exilados e de muitos até hoje não se tem notícias.

Muito sangue e suor foi derramado para que hoje tivéssemos o direito de expressar livremente nossas ideias e pensamentos.

“ Não é o barulho dos maus que me preocupa e sim o silêncio dos bons.”
(Martin Luther King)
Fonte: Chapadinha online
E o que dizer daqueles que se acovardam e se vendem para defender interesses próprios?

O que dizer daqueles que chegam a tentar intimidar o povo através de ameaças torpes para defender seu conforto, sem se importar com o sofrimento da população carente de nossa cidade?

Eu digo e afirmo com convicção que esse tipo de “blogueiro, Jornalista” presta um desserviço a população!

Tenho em minha mãos o relatório da Auditoria do DENASUS realizada em 2010, que aponta fraudes e mais fraudes na área da Saúde em Chapadinha, há ainda o caso do menino Renam que foi dado como morto enquanto ainda lutava pela vida, há também o caso do policial POMPOM que esperou horas pra que fosse colocado combustível na Ambulância, só recebeu oxigênio na cidade de Vargem Grande porque aqui não tinha e pra quem dúvida pode ir a qualquer hora no HAPA ou no HCC e constatar o sofrimento de quem precisa recorrer a esses hospitais.

Fonte: Chapadinha online
A Prefeitura Municipal de Chapadinha recebeu só do Ministério da Saúde até o mês de Junho mais de 10 milhões de reais em recursos para a saúde. E para onde foi esse dinheiro?
Precisamos ir as ruas sim, lutar e exigir dos nossos governantes os nossos direitos porque não é Sr. Isaías, não é o Sr. Magno Bacelar, não são os Vereadores e nem é a Prefeita que precisa desses hospitais. Quem precisa desses hospitais, é a população carente, somos nós, são nossos filhos e parentes.

A carga tributária do Brasil é a mais cara do mundo, em tudo que compramos pagamos impostos, esse ano trabalhamos 4 meses só para pagar impostos. E esse dinheiro deveria voltar para a população em forma de Políticas Públicas, investimentos na área da Saúde, Educação e etc.

Se pagamos por algo temos que exigir o mínimo de decência no serviço prestado.

Lembro ainda: O papel do vereador é fiscalizar a Prefeitura Municipal e garantir que os direitos do povo sejam respeitados e não andar em porta de hospitais oferendo ajuda. Isso só acontece porque os recursos estão sendo mal aplicados, ou mal geridos.

E a esses jornalista$ e blogueiro$ corruptos deixo só uma frase:

"... Tuas idéias não correspondem aos fatos..."
                                                              ( Cazuza)

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Valeu professora Jane !! O povo de Chapadinha agradece suas bem colocadas palavras.

    ResponderExcluir