Pages

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Quem te viu quem te vê Vereador França Nilo

Transcrevi abaixo o discurso do nobre vereador extraído de um vídeo gravado na sessão da Câmara Municipal de Chapadinha em Abril de 2010.

Senhora Presidente, senhores vereadores, povo que nos assiste, boa tarde!
Em primeiro lugar eu gostaria de agradecer a Deus, por estar feliz hoje e pedir desculpas pela semana passada, no qual vim a esta casa pela emoção que tive, mas graças a Deus estou aqui de “ Frente” erguida. E hoje para afirmar o compromisso. Compromisso esse muito maior ainda de dar atenção aquele que em mim votou e aquele que não votou em mim. Que sou vereador não de 1.046 pessoas e sim de 74 mil habitantes.

Hum! Agora ele diz que não precisa dos votos dos prefessores para se eleger. Segundo ele, bastam os que ele tem no interior dele.


Em primeiro lugar senhora Presidente, eu queria repudiar sua atitude. Quando entrei nessa casa pela maneira no qual fui recebido. Não sou nenhum vagabundo, irresponsávi, nem vândalo não.
Respeito é bom, é por isso que eu tenho com as pessoas. É por isso que as 5 vezes, há quase 20 anos estou nesses parlamento...
Para sair daqui, saí muito bem de cabeça erguida. Tentando ajudar o município, tentando ajudar uma prefeita que aí se encontra hoje no mandato. Eleita não e sim eleita, pela justiça.
Hoje eu não presto, hoje minha colega não presta, não vale nada (Raimundinha), mas graças a Deus, estou aqui de frente erguida, com o compromisso cumprido, e irei sim hoje, dizer o que eu fui, o que eu passei e estou passando com a ingratidão de uma Prefeita (Danúbia) que aí se encontra.
Senhora Presidente, senhores vereadores, graças a Deus, eu orei muito com minha mãe, pedi muito pra ela me dar forças, pra eu estar aqui hoje, como eu estou... Calmo e muito bem graças a Deus.
Eu queria começar, pra falar da incompetência do município, que a 1 mês atrás eu corro naquela Prefeitura, tentando receber uma Exoneração. E simplesmente até hoje estou aqui, ainda ilegalmente. Mas não pela minha incompetência, mas sim por aquelas daquelas que estão lá. Que só sabe perseguir e dizer NÃO!
Estou sem o documento na mão ainda, continuo sendo vereador e continuo sendo secretário. Eu queria dizer ao povo de Chapadinha:
Até que ponto chegou nosso município?
Nós temos aí uma administraçãos, administração com pessoas de fora. Não quero dizer com isso que são incompetente, não. As pessoas que aí se encontram são altamente competentes, mas Chapadinha também tem pessoas competentes que sabe e conhece o nosso município de palmo a palmo.
Hoje chegamos na Prefeitura pra pedir uma função, trocar um emprego, trocar uma matrícula de um local pro outro, tem que esperar pela prefeita, porque quem está lá, não sabe do caso.
A Prefeita 31 dias no mês esteve aqui 5 vezes, eu olhei ela no mês de março. Nunca mais vi. Não foi pra isso que eu votei nela, não foi pra isso que eu vim pra esta casa, pra hoje me sentir ridicularizado com a função que fui exercer. Agora eu digo pra cada um de vocês meus amigos: Nenhum deixe o cargo de vereador pra ser secretário não porque é tudo farsa. Lá não existe nada. Tá aqui eu de volta!
Mas para minha preocupação, é que a colega que me substituiu nesse parlamento, a vereadora Raimundinha que é minha amiga do coração, chegou pra mim e disse: Vereador, eu não quero mais ser vereadora não.
Vereador é você que tem o mandato com 1.046 votos. Volte pro seu lugar, o lugar lá é seu, já chega de sofrimento, já chega de abandono.
Eu não fui eleito pra isso não meu povo. Eu fui eleito pra servir vocês.
Vocês sabe da minha determinação, do meu compromisso de palanque que fiz com vocês.
Ontem mesmo senhora Presidente fiquei triste, semana passada quando cheguei aqui, uma senhora ali fora me chamou, ela está aqui na galeria, ela disse para mim que eu tinha votado em uma onça. Eu disse: Mais qual onça?
Ela respondeu: Uma onça pintada que enjaulou vocês, a Graça Nunes.
Eu disse: Meu Deus!
Eu fui tão humilde no mundo que a vereadora é a última colocada e hoje exerce o poder de Presidente com meu apoio, com meu voto nesta casa.
Também disse que está assessorada pela EVA. Quem é Eva?
É a Ilda Pontes. Que provou da maçã, provou do que não presta e fez o que fez.
Eu tô envergonhado por tudo que eu tô passando na minha vida.
Mas vocês pode ter certeza meus amigos, que vou ser um vereador atuante como sempre fui. Que me orgulho de ter 5 mandatos.
A Prefeita disse para minha amiga Raimundinha que me devolveria para esta casa sábado passado. Ela está enganada. Redondamente enganada.
Ela tem que vir sim, é para o município e sentar e atender aquele povo que nem nela votou, mas hoje ela é prefeita sim, pra administrar pra todos.
Simplesmente por causa de uma sessão, sessão esta, que causou todo o transtorno. Mas graças a Deus chegou a hora. Sessão essa que diziam que a minha colega vareadora Raimundinha não vinha para cá porque ia era votar nas contas do seu Isaías. Por que ela tinha votado.
Instinto perseguidor essa palavra não existe no meu dicionário, nem na minha cabeça não. Eu sempre servi aqueles que também servem as pessoas e aqui vou dizer de frente erguida: Eu dei os votos sim ao Prefeito Isaías, no mandato e dei votos também pras contas do Prefeito Isaías e aqui de braços abertos, de coração limpo, eu tenho mandato hoje sim. Agradeço a Isaías que assinou para mim aquele documento no qual me expulsou do partido PP no qual eu fiz parte.
Seria cego eu Marcelo, seria injusto eu, pelo fato de ter apoiado seu pai
e agora aqui ir perseguir seu pai.
Nós temos que ter palavra, não é só no palanque não, quando dizíamos:
A casa do POVO a casa de DEUS!

Hoje o nobre vereador ataca e tenta denegrir aos professores de Chapadinha se referindo a nós nos taxando de palhaços!
Lá tudo é normal, tudo é natura, pra mim sempre foi, porque eu nunca voltei aqui atrás do que fiz. Quando eu digo que faço, tá feito, porque eu devo sim é ao povo, meus pais, é o recurso que é dividido praquele que não tem. É o povo que me elegeu, por 5 vezes me colocou aqui.
E senhora Presidente, eu peço que vossa excelência que trate esse povo dessa casa, esses funcionários, como eles merecem.
Não deixando a casa com espírito de ruindade e pessoas nunca aqui vieram, que hoje aqui eu encontro várias amigas minhas que nunca mais vieram porque eu não estava nesse parlamento.
Eu quero que venham meus amigos, quero que venham para cá porque aqui sim é o lugar de vocês, onde vocês irão sim, saber aquele que defende, aquele que é humilde.
Eu queria que ficasse registrado nessa casa, a colega vereadora Raimundinha está sendo prejudicada pelo fato de não ter vindo a essa casa em uma sessão extra ordinária de sexta-feira passada no qual foi julgada por uma coisa que não aconteceu nesta casa. Não era conta de seu Isaías não, que se fosse ela votaria sim, porque ela tem também compromisso com seu Isaías que também assinou para ela aquele documento.
Era uma sessão simplesmente de regimento. E começou a confusão e a Prefeita simplesmente teve a coragem de ligar pra minha amiga Raimundinha pra suas filhas e dizer que ia me mandar pra essa casa que já chegava de ameaça.
Quem sou eu pra ameaçar?
Eu sou aquele sim Danúbia que deu o braço pegou e dizia: com prefeito tudo eu fiz, sem prefeito nada eu faço.
Nós perdemos sim, a eleição no voto, mas eu estou aqui e não fique a senhora pensando, senhora prefeita, que vou ficar contra você não.
Não fique você pensando que eu vou deixar de cobrar o que é correto não.
Como hoje mesmo eu recebi 30 mulheres da Vila Izamara, chorando porque ouviram em uma rádio aí que foi desviado 160 mil reais das contas da Vila Izamara e lá está sem luz e sem água no poço por causa de 7 mil reais e a nossa digníssima Presidente pegou as contas e até hoje não foi pagar.
E eu vou sim atrás dessa história porque na vila Izamara eu tirei 113 votos e lá naquelas casas eu andei também em palanque prometendo o que era errado e hoje tá lá, o dinheiro foi desviado, já na atual administração.
Sou oposição não, pelo contrário, tô sendo muito é grato a ela, vou ajudar sim por que não é justo quatro mandatos sem prefeito e mais um cinco e o povo vai fica aí chorando para mim sem eu poder fazer nada.
Eu vou sim é cobrar senhora Graça Nunes vou é colar nela, vou ser um carrapato no pé dela, ela vai trabalhar sim, ela via ficar aqui sim, porque aqui na minha frente eu tenho uma pessoa o Petrônio, pessoa essa prejudicada já por essa administração no qual é concursado e exerce o cargo de “não sei o quê de contabilidade” a função dele, esta aí prejudicado mas o mesmo já entrou com um recurso para mostrar a incompetência da Secretária de Administração que só sabe dizer NÃO, NÃO e NÃO!
Mas vá nos CRÁS, chio de mato. Vá nas ruas, cheio de mato.
A Prefeita tem o seu secretariado para isso. Para ajuda-la.
A Secretaria de Administração só sabe PERSEGUIR e dizer: NÃO!
Mas eu vou sim atrás das irregularidades como sempre fiz nesse parlamento.
E mostrar aqui no papel porque aqui a coisa agora mudou, aqui qualquer coisa, caça mandato. Mas eu tenho o povo do meu lado, eu tenho o povo que me deu 5 mandato e é com muito orgulho que aqui estou.
E agora eu queria agradecer a todos vocês, que hoje sem exoneração ou não, eu sou vereador sim, porque quando foi pra mim sair daqui o cargo era automático, hoje simplesmente estou tendo problema com a administração.
Na sessão de segunda-feira passada, a anterior, foi bom eu não estar na sessão, porque eu viria para cá.
Se a casa é minha, se o povo me elegeu e me colocou aqui, a minha mãe uma inocente, pegou nome de sem vergonha de uma eleitora.
Quando disse: Você não tem vergonha minha amiga?
Pedir voto pro seu filho e agora ele vendeu o mandato pra prefeita?
Eu não tive oportunidade meus amigos nunca de usar uma emissora de televisão, nunca de usar o microfone dessa casa que no caso saí deixando saudade.
Lá na Secretaria a primeira pasta é a de Juventude e Cultura, lá começou a safadeza, a molecagem.
Lá tiveram que dar a placa a uma amiga, pra agradecer o voto que deram a ela, que nem nela votou mas tá lá, que é a Missicley.
Depois fica a de Cultura não aceitei, a senhora Prefeita querer fazer de mim um rebolo.
Uma pessoa incompetente.
Entreguei o cargo sim, nem precisou exonerar. Lá assumi uma outra pasta, essa que foi pior mesmo. Não tenho sala, não tinha sala pra receber o povo e aqui deixei aquela amiga, aquela humana, defensora do povo humilde, a Raimundinha.
Tratando com o maior carinho o povo do meu município, minha localidade, minha e dela no qual fomos eleitos.
Fomos muito bem recebidos mas chegou o ponto de parar e dizer: Vai pro teu lugar.
Aqui estou. Irei dizer mais uma vez, irei sim trabalhar pelo povo e eu jamais saio do meu lugar pra qualquer cargo que seja, porque merece sim é me ter do lado deles, porque eu sou um vereador que tenho coragem de
Enfrentar aquele que pensa que vai me destruir.
Me destruir?
Pelo contrário.
Não tente nenhum desses meus amigos, colegas vereadores, advogados
dessa casa querer subestimar minha inteligência não.
Eu sei fazer muito bem quando quero e defender o povo quando precisa.
A partir de amanhã estarei nos hospitais, cobrando o que tá imoral. Eu mesmo já adoeci e estive no Hospital Antônio Pontes de Aguiar, por dois dias, lá o médico meu amigo Dr. Fernando comprou os remédios e me deu porque não tinha remédio.
Se ele que é vereador, precisou de uma doação de remédios, imaginem a população carente de nossa cidade?


Será bonito para mim, só para mim o remédio comprado fora?
E aquele que não tem a mesma posição que eu teho?
Porque todos nós somos iguais perante a lei, seja homem ou seja mulher todos nós somos humanos.
Então eu não admito esse desrespeito com a comunidade do meu município que nunca houve tanta ingratidão, o povo tá sofrendo com tanta ingratidão de uma pessoa só.
Quero dizer e deixar bem claro: A minha posição é esta!
Achando ruim ou não, achando bom ou não, eu vou sim é ajudar o povo.
Eu vou sim é cobrar o que tá errado, eu quero sim é as escolas funcionando, que até hoje tem escola que não teve aula. Por que o Secretário que lá se encontra, veio de São Luís e não sabe a realidade da coisa.
Dr. Magno teve 8 anos no poder e nunca teve essa complicação com professor.
Ela mau assumiu e já foi abandonando aquele slogam dela:
Força pra continuar!
É bom lembrar que o Dr. Magno continua ao lado dela assistindo a tudo calado. Ele colocou a Prefeitura nas mãos de Danúbia e é responsável direto por todos os atos dela enquanto gestora de nosso município.


Continuar é a farsa hoje é força pra destruir o que o outro deixou.
O outro fez muito bonito quando tentou colocar ela na Prefeitura. Mas botou a pessoa ERRADA, uma pessoa DESORIENTADA, DESCOMPROMISSADA com o povo de Chapadinha. E eu jamais irei ficar contra o povo, porque sem o povo eu jamais estaria aqui por 5 vezes.
E eu tenho certeza que eu não vou agredir e nem denegrir a imagem de ninguém. Muito pelo contrário, eu vou sim usar a minha ética, a minha cidadania e o estudo que eu tenho como fui estudado por aí fora, estou aqui novamente pra cuidar do povo!
Senhora Prefeita eu quero deixar registrada nessa ata a sua ausência e a minha indignação pela sua ausência no município de Chapadinha.
Quando aqui está é no interior visitando fazenda, hoje ela até fazendeira é. Ela hoje tem terra que ela nunca teve.
Será possível que ela esqueceu que o seu lugar é ali naquela Prefeitura?
Tive lá hoje pra pegar minha exoneração, ela ainda não passou lá em momento nenhum.
Mas vereador Samuel o Sr. Está de Parabéns. Nós dois vamos fazer dessa casa, junto com os 8 trabalhando junto e unido porque ela não sai da sua residência. Eu tive lá ontem com você. Eu mal saí, ela chegou.
Mas a minha casa que ela foi me ludibriar com palavras, com história, ela esqueceu meu telefone e a minha casa. Mas Dr. Almir ela sabe conversar,
o vereador Samuel ela sabe conversar.

Agora vou me dirigir ao Peróba e ao Dr. Ermeson Aguiar vocês dois estão com o caminho aberto pra que chegue até ela, pra da sustentação. Mas de coração meus amigos eu vou dizer pra vocês: Não queira não!
Porque pior eu fiz, eu dei meu nome pra colocar em um partido que no qual hoje eu me envergonho. Por que já fui vereador de oposição, situação e ganhei já por 5 vezes então cobre e as matéria que chegar aqui nessa casa se vocês não conhecerem, você e o Jorge se ausente de votar.
Não boicote sessão não, não persiga aquele que não merece não, vote nas matéria que vocês conhece se abstenha de votar na hora, que é ridículo perseguir.
E aqui eu quero deixar bem claro mais uma vez: O meu voto seje quantas contas for do Isaias eu vou votar sim porque eu tenho moral pra dizer isso e vou ajudar no que for preciso.
De coração digo a vocês: A revolta é grande porque corri muito, peguei muito sol, foi muito criticado, xingado pelo eleitor, pra dizer que a Danúbia era a pessoa perfeita. Infelizmente isso só mostra aquilo que é.
Eu errei!
Mas não é eterno não o cargo. É 4 anos e com certeza aquele que bota tira e aquele que não presta vai pra rua.
Então meus colegas vereadores, eu peço a vocês se um dia pensarem em ir se agregar ou apoiar qualquer prefeito que for mas espere aparecer um melhor. O melhor ainda não é aqui não. O melhor o povo tá pagando caro
Porque naquela prefeitura você não sabe pra quem falar e nem pra quem perguntar.
A Prefeita? Me disseram que ela é virtual. Não ela é de carne e osso.
Ela vai sim, é ficar aqui, ela vai sim, trabalhar aqui. Porque já chega. São 4 meses de ausência.
Os 2 primeiros meses, foi atrás do mandato que não era dela. Conseguiu na justiça.
Os dois agora, é viajando pra cima e pra baixo não para aqui.
E tú vai parar sim Danúbia. Porque contigo compromisso eu tive e daqui pra frente eu vou sim é fazer com que eu seja bem recebido neste município e nesta casa.


Eu só fico me perguntando o que será que fez o nobre vereador mudar tão radicalmente de opinião?






Foto vereador França Nilo: Chapadinha Online

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário