Pages

sábado, 17 de setembro de 2011

E a culpa é de quem?

Fonte: chapadinha online
Ele só sai das sombras para atacar e denegrir a qualquer um... Menos a família Sarney. Agora ele pôs a culpa nos professores por baixo desempenho do Maranhão no Enem. Acesse http://www.chapadinhaonline.com.br/ e veja mais informações. Leia atentamente o texto abaixo e veja se ao menos um dos itens que serão apresentados não lhe são familiares.

O retrato da educação no Maranhão da família Sarney
23 de mai de 2011 | Por: Leandro  Miranda | às 12:46 pm
Escolinha de taipa típica do interior maranhense
Depoimento de um pai de família, maranhense, preocupado com o futuro dos filhos:
“Sou pai de um aluno do Centro de Ensino Anajatubense (escola de Ensino Fundamental e Médio), da rede estadual, no povoado de Bacabal, município de Anajatuba (a 130 km da capital). A escola há dois anos sofre com o descaso do governo com a educação.
A diretora do colégio foi afastada e a escola entrou na lista de inadimplentes. Em razão disso, os repasses do dinheiro foram bloqueados.
fonte: Blog Marrapá 
A medida estúpida trouxe uma série de problemas aos vários já enfrentados pelos professores, funcionários, alunos e pela comunidade local. Os desmaios dos alunos ocorrem de vez em quando por falta da merenda escolar, levando em consideração que muitos deles saem de casa muito cedo, sem tomar um café-da-manhã até mesmo por falta do que comer, pois moram longe da escola (o local mais distante fica a 11 km de distância, e os alunos vão a pé, de bicicleta e bem poucos de moto); faltam materiais de expediente administrativo, material para professores darem aula e até mesmo itens de limpeza. São os professores que ao longo desse período tiram de seus próprios salários o dinheiro para arcar com todas essas despesas.
Além disso, a ausência de um diretor vem causando transtorno a vários egressos da escola, pois perdem oportunidades de emprego e de ingressar no Ensino Superior devido à exigência do certificado de conclusão do Ensino Médio, pois não há um responsável legal que possa assinar os documentos.
A comunidade local está revoltada com tamanho descaso. E eu, como pai, triste pelo futuro de incertezas de meu filho.”
É isto que a governadora Roseana Sarney considera “cuidar das pessoas”?
O Governo do Estado sequer apresenta um Plano Estadual de Educação; Não valoriza os educadores, garantindo cumprimento da decisão do piso salarial dos professores; Não oferece transporte escolar para os alunos e estrutura básica nas instalações escolares; E ainda tem a desfaçatez de lançar o “Maranhão Profissional”, desprezando os graves problemas da educação básica maranhense.
Pelo visto, a formação profissional será apenas para reserva técnica, nada de criar mentes pensantes, pesquisadores, fomentar formação de mestres, doutores, pesquisadores para resolver nossos problemas socioeconômicos.
O depoimento acima apresenta a preocupação de um pai de família, compartilhado por milhões de pais maranhenses, que longe dos centros urbanos, e às vezes até dentro deles, não conseguem vislumbrar um futuro decente para os seus filhos por conta a péssima educação que tem sido oferecida a eles
 1. Rey Teacher disse:
23/05/2011 às 13:43
Imagem quantas escolas temos dessa espécie?
Isso me deixa triste, por que há 23 anos minha escola era dessa forma, cadê o desenvolvimento governadora? Tu não te encomoda com isso? É humilhação demais….
2. Rubens Júnior disse:
23/05/2011 às 13:50
“Encomoda”? Esse sim é o verdadeiro retrato da educação no governo Roseana Sarney.
Da-lhe TeleEnsino.
3. Jair disse:
23/05/2011 às 15:19
Para os puxa-sacos, o importante é que ela está governando. Mas o que me deixou profundamente entristecido foi o acidente com o senador Lobão Filho! – Triste por saber que milhares de maranhenses não têm a mesma oportunidade que ele de se internar num bom hospital particular e padecem nas longas filas dos hospitais públicos. O mais curioso é que o senador não gastará um centavinho sequer do seu bolso, tudo será bancado com verba pública. Por isso estou muito triste!

Estamos em Chapadinha mas o depoimento desse pai divulgado no Blog Marrapá me lembra muito nossa realidade. A você não?
fonte: Blog chapadinha online     
E assim vão os dois: Criatura e Sombra deixando nossa cidade em um completo abandono. Servindo somente a interesses próprios e aos de uma minoria e para justificar tanta corrupção eles fazem como pessoas sem escrúpulos, covardes e incapazes de assumir seus erros:
Culpam a quem mais sofre e mais se esforça para garantir o que é de obrigação deles, principalmente deles: A Educação dos nossos pequenos.
Alguém lembra o que eles prometiam quando subiam nos palanques?
Se eleita for, vou lutar pela educação. Que educação?
Virou moda nesse governo de Criatura e sombra chamar os professores de palhaços, a criatura vai na rádio e diz que gostou da atidude de um vereador quando usava termos pejorativos para se referir a um colega mas alguém ouviu ela o recriminar por ter chamado os professores de palhaços? O Sombra não podia deixar de dar apoio aos seus e foi nos culpar pela falta de políticas públicas no estado. Somos culpados da falta de investimento em educação.
É muita cara de pau a desse Sombra.
Ah! Mais se o Sarney ou a Roseana fossem professores ele mais que prontamente diria:
"Queriam que eles dessem aula de quê? De jumento?
Pra que os professores esquecessem os baixos salários, a falta de valorização e material didádico?
Querem que as crianças esqueçam a fome como? Indo passear de jumento?"
E a culpa é de quem?
A Professora Amanda Gurgel responde:
Clique no link abaixo e reveja.
http://www.youtube.com/watch?v=yFkt0O7lceA

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Muito lúcida, a sua postagem. Imagino, que mostras aqui, como é a vida,nada fácil, no Estado do Maranhão, para aqueles que não sobejam o bigode do Coronel.
    Parabens, pra voce.
    Abraços e felicidades, sempre

    ResponderExcluir